Certificações
Publicada em 28/09/2016 - 08h25
Sicredi conquista certificação por sustentabilidade em Centro Administrativo
Empresa conquistou a certificação LEED EB O&M Platinum. Este é o primeiro edifício no Brasil e o quarto na América Latina a receber o reconhecimento
Divulgação / Sicredi

O Sicredi – instituição financeira cooperativa com mais de 3,3 milhões de associados e atuação em 20 Estados brasileiros – conquistou a certificação LEED Existing Buildings: Operation & Maintenance, nível Platinum (LEED EB O&M Platinum). A certificação foi concedida pelo United States Green Building Council (USGBC) para o Centro Administrativo Sicredi (CAS), em Porto Alegre (RS).

O reconhecimento ao CAS representa o mais alto prêmio concedido a edifícios que demonstrem excelência na adoção de práticas sustentáveis e eficientes na gestão. Com a conquista, o Sicredi ultrapassa a marca alcançada pelos demais 27 edifícios que já haviam obtido algum nível de certificação (prata ou ouro) no Brasil. O CAS é o primeiro edifício do País e o quarto na América Latina a conquistar a certificação LEED EB O&M Platinum.

“Acreditamos no projeto de certificação não só por estar alinhado às práticas de sustentabilidade do Sicredi, mas também por ampliar a eficiência da estrutura, com efeitos positivos sobre consumo de fatores como energia elétrica e água, além de contribuir para a estabilidade da operação. Assim, agregamos valor aos nossos associados”, comenta João Tavares, diretor de administração e finanças do Banco Cooperativo Sicredi.

A busca pela certificação começou em 2014, desde então, a empresa não poupou esforços para alcançar a meta. “O resultado vem da dedicação de toda a equipe de colaboradores e dos parceiros envolvidos no projeto”, afirma Dino Soccol, engenheiro da administradora de bens Sicredi. “Essa conquista do Sicredi é icônica, não apenas por ser o primeiro LEED EB O&M Platinum do Brasil, mas por despontar como caso de sucesso de edificações existentes com foco em eficiência operacional, redução do uso de recursos naturais e melhoria da qualidade de vida e bem-estar dos ocupantes”, salienta Soccol.

Para adequar o Centro Administrativo Sicredi ao padrão exigido, a instituição financeira cooperativa contou com a OTEC, consultoria especializada no tema desempenho do ambiente construído. “Projetos como este colaboram para elevar o otimismo do mercado de green building councils, demonstrando de forma prática a importância da eficiência energética em edificações existentes para o cumprimento das metas assumidas perante a COP 21 de Paris”, afirma Felipe Faria, diretor executivo do Green Building Council Brasil.

Resultados obtidos

O processo de certificação LEED EB O&M Platinum envolveu o monitoramento contínuo das práticas de gestão de facilidades que incluem: gestão de energia, água, compras, gestão de resíduos, qualidade do ambiente interno, qualidade ambiental externa, mobilidade, conforto ambiental, saúde do usuário e limpeza sustentável.

Além de atender a pré-requisitos obrigatórios, como eficiência energética e eficiência hídrica mínima, e de demonstrar observância a condições obrigatórias de renovação de ar, também é necessário somar pontos obtidos em função de atendimentos aos chamados critérios não mandatórios. Para obter a certificação Platinum, é necessário obter, ao menos, 80 pontos dentro de uma escala de 110. O Sicredi obteve 88 pontos na escala de pontuação, melhor resultado na América Latina na categoria.

Para alcançar o resultado, o Sicredi teve que mostrar resultados:

• Eficiência energética 18% superior à meta, que contou com a contribuição de estratégias, tais como instalação de sistema regenerativo de energia nos elevadores, retrofit do sistema de iluminação artificial do estacionamento e automação dos computadores;

• Eficiência hídrica próxima a 50% capaz de garantir a totalidade dos pontos neste quesito, oriunda de estratégias como a utilização de água de reuso e sensor de chuva para irrigação; utilização de água de reuso nos sanitários e nas torres de resfriamento; e adequação dos metais sanitários;

• Adoção de linha de produtos de limpeza com o Green Seal, que atende a critérios de toxicidade, compostos orgânicos voláteis e saúde humana, e utilização de equipamentos de limpeza de baixo impacto ambiental e sonoro;

• Alta porcentagem de utilização de transporte alternativo, incentivada por meio de ações como o programa de incentivo à carona e a implantação de bicicletário com cobertura fotovoltaica;

• Adoção de estratégias de redução do efeito “Ilha de calor”, tanto nos pisos quanto nas coberturas;

• Implantação de procedimentos de gestão dos sistemas prediais, tais como auditorias de energia e comissionamento contínuo das instalações consumidoras de energia;

• Adoção de fontes de energia renovável off site;

• Paisagismo: predominância de espécies nativas ou adaptadas ao habitat local e utilização de técnicas de baixo impacto;

• Gestão de resíduos: implantação de central de resíduos e envio de mais de 60% dos materiais para reciclagem ou compostagem de resíduos orgânicos e podas de jardim no próprio empreendimento;

Além disso, diversas estratégias permitiram o envolvimento de toda a equipe de colaboradores do Sicredi. Desde a comunicação objetiva, por meio de sinalização, até ações lúdicas, como o “espaço sensorial” – no qual os ocupantes puderam vivenciar a diferença entre um espaço sustentável –, a cultura empresarial ficou explícita no resultado alcançado.



Fonte: Assessoria de Imprensa / Sicredi
Tags:certificação LEED, Sicredi, LEED EB O&M Platinum, gestão de edifício
Mais notícias

02/03/2017 – Data Center Sustentável
Idealizada pelo Pátria Investimentos, primeiro empreendimento da ODATA será inaugurado em março de 2017...


17/02/2017 – Alexandre Brown, diretor da Expo Arquitetura Sustentável, fala sobre o mercado e sobre o evento
Mostra reúne conteúdo relevante e exibe soluções e tendências sustentáveis para todo setor da construção ...


13/02/2017 – Fórum Construção e Arquitetura Sustentável
Conteúdo de palestras retrata desafios e soluções para a sustentabilidade na construção civil e arquitetura no Brasil...


31/10/2016 – Empresas firmam parceria para potencializar soluções sustentáveis em MG
União promete reposicionar Estado no ranking nacional de empreendimentos sustentáveis...


03/10/2016 – Inovação e ecoefiência marcam exposição na FIMAI Ecomondo
Entre os destaques, agência italiana traz empresas do País para mostrar a expertise no tratamento de água e geração de energia por meio resíduos sólidos...


29/09/2016 – Sustentabilidade para resfriar concreto
Com o uso de nitrogênio, processo proporciona redução no uso de água e energia...


28/09/2016 – Sicredi conquista certificação por sustentabilidade em Centro Administrativo
Empresa conquistou a certificação LEED EB O&M Platinum. Este é o primeiro edifício no Brasil e o quarto na América Latina a receber o reconhecimento...


12/09/2016 – Pós em Construções Sustentáveis recebem inscrições
Profissionais da arquitetura e engenharia devem valorizar os novos conceitos e as tendências da sustentabilidade e do meio ambiente. Cursos na FAAP preparam o aluno para esse novo cenário...


08/09/2016 – Centro Sebrae de Sustentabilidade recebe certificação internacional
Edifício situado em Cuiabá conquistou a classificação “Excelente” do BREEAM In-Use, a mais alta em toda a América Latina...


16/08/2016 – Aeroporto RIOgaleão opera com novo sistema de tratamento de água
Águas que apresentam concentrações de óleo acima do permitido devem passar por um tratamento de separação da água e do óleo...


VER MAIS >
Publicidade | Anuncie
Banner topo
Notícias
Vídeos
Edição do Mês
Guia de Serviços
Olho Mágico
Publicidade | Anuncie
Banner topo


Publicidade | Anuncie
Banner botão
Quality Systems - 03/03/2015
Sustentech
Regional Telhas
Rain Bird - 04/05/2015